receita_barca


Lagoa de Lágrimas




A apresentação do palmito “na barca” remete ao momento da obra de Carroll que Alice chora tanto por não conseguir entrar no jardim, que acaba criando uma grande lagoa de lágrimas. Além disso, o elemento agridoce do prato (chutney), servido com a carne, remete a ousadia: presente no mundo fantástico e em cada um. Principalmente a nossa inspiração Lewis Carroll que criou uma das obras mais célebres da literatura “nosense”.

Rendimento: 4 porções | Tempo de preparo: 60 minutos

Ingredientes
Palmito:
2 palmitos pupunha cortados ao meio (com a casca – barca)
1 colher (sopa) de manteiga
Ervas picadas (salsinha, cebolinha, orégano)
1 colher (café) de sal
Pimenta-do-reino preta moída a gosto

Chutney de damasco:
1 colher (sopa) de azeite
½ cebola descascada e picada em cubos pequenos
1 xícara (chá) (100g) de damasco seco
4 Cravos
1 canela em pau
Pimenta síria a gosto
Água (quanto baste – aproximadamente 3 xícaras de chá)

Medalhão:
8 medalhões pequenos de filé mignon (ou 4 medalhões grandes)
Sal a gosto
Azeite (para untar a frigideira)

Modo de preparo
Palmito:
– Embrulhe os palmitos em papel alumínio e leve ao forno por 1-2 horas (depende da rigidez do palmito, ele deve ficar macio);
– Retire o papel, espalhe a manteiga, as ervas, o sal e a pimenta (se preferir, pode preparar a manteiga antes, misturando a manteiga amolecida, as ervas, sal e pimenta e voltar à geladeira para que endureça novamente).

Chutney de damasco:
– Em uma panela, coloque todos os ingredientes do chutney e leve ao fogo baixo, até que ganhe consistência de geleia;
– Retire os cravos e a canela antes de servir.

Medalhão:
– Tempere os medalhões com sal, unte uma frigideira com azeite e grelhe os filés.

Montagem:
Sirva o palmito assado (com a casca), com os medalhões cobertos pelo chutney de damasco. Utilize algumas folhas verdes para acompanhar.

Bistrô Dodô

Todos os direitos reservados | Copyright ©2015
Desenvolvido por Tabata G.
.